18 Tatuagens Dos Gênios Da Pintura e Seu Legado Na Arte

18 Tatuagens Dos Gênios Da Pintura e Seu Legado Na Arte

Obras atemporais eternizadas em tattoos incríveis!

O mundo das artes há tempos é contemplado com magníficas criações de artistas do mundo todo. Nomes que deixaram sua marca na história como Picasso, Da Vinci, Salvador Dalí dentre tantos outros, seguem inspirando novos talentos e também, claro (não pense que não), se tornam objetos de estudo para tatuadores de todas as gerações. Só pra te dar uma provinha desse vasto universo, separei alguns trabalhos inspirados em grandes obras de artistas imortais.

Um dos muitos sketchs de Da Vinci por Felipe Rodrigues #FelipeRodrigues #obradearte #art #LeonardodaVinci #DaVinci #sketch #blackwork #fineline

Pra começo de conversa, o primeiro nome da lista é ninguém menos que uma das maiores mentes que já abrilhantaram a humanidade, Leonardo Da Vinci. Figura importantíssima do Renascimento, Da Vinci é considerado até hoje um gênio, tanto que em 1926 um estudo mostrou que seu QI atingiria 180. Sua curiosidade incansável o fazia criar e inventar na mesma proporção, acumulava talentos e era um homem a frente de seu tempo. Além de seus trabalhos com pintura, Leonardo tinha uma incrível engenhosidade tecnológica que o permitiu desenvolver os primeiros projetos de veículos voadores, por exemplo, e fez grandes avanços no campo da anatomia.

O painel Guernica, de Pablo Picasso por Okan Uckun #OkanUckun #obradearte #art #Guernica #PabloPicasso #Picasso #blackwork #pontilhismo #dotwork

Pablo Picasso foi outro nome muito importante no cenário artístico. Co-fundador do movimento cubista, Picasso foi um dos responsáveis por avanços significativos em diferentes vertentes artísticas. Suas obras eram separadas e classificadas por períodos; Guernica, um de seus quadros mais famosos, pertence ao Período Azul.

Suas criações lhe renderam renome e fortuna, colocando seu nome no hall da fama, se tornando uma das personalidades mais conhecidas do século XX.

Mais um ícone Renascentista, Michelangelo deixou sua marca permanente na história da arte ocidental como um dos maiores criadores já existentes. Quando seu talento ficou evidente, acabou se tornando um protegido da poderosa família Médici.

Um pedacinho da obra A Criação de Adão de Michelangelo por Phellipe Rodrigues #PhellipeRodrigues #obradearte #art #Michelangelo #criaçãodeadão #creationofadam #maos #hands #pontilhismo #dotwork #blackwork

Foi escalado para pintar o grande afresco na Capela Sistina e arquitetou a Basílica de São Pedro, além de projetar sua cúpula. Pôde presenciar ainda em vida sua consagração como grande artista de seu tempo.

Magnífica reprodução de Impressão, Nascer do Sol de Claude Monet por Luca Fedato #LucaFedato #obrasdearte #art #impresoesdosolnascente #claudemonet #monet #impressionismo

Quem é rato de Sessão da Tarde com certeza já assistiu o clássico dos anos 90 As Patricinhas de Beverly Hills e lembra quando a Cher fala que a Amber é como um quadro de Monet, de longe uma obra de arte, mas de perto é um série de borrões. Apesar da referência um tanto pejorativa, as pinturas do francês Claude Monet eram, de fato, um conjunto de borrões de tinta que vistos a certa distância formavam maravilhosas cenas com cores vivas.

Tattoo miniatura de A Ponte Japonesa, de Claude Monet por Jefferson Margutti #JeffersonMargutti #art #obrasdearte #apontejaponesa #thejaponesebridge #claudemonet #monet #impressionismo #miniature #miniatura

Foi ai que surgiu o termo "impressionismo". O artista gostava de pintar ao ar livre e em diferentes horas do dia (uma das características do movimento, inclusive), isso acabou ocasionando-lhe um problema de visão decorrente de uma catarata. Paisagens francesas e o Rio Sena eram grandes inspirações para Monet.

O expressionismo abstrato de Jackson Pollock se tornou algo atemporal. O pintor norte-americano desenvolveu a técnica do dripping, ou gotejamento. Pollock não era muito convencional durante seu processo de criação, deixando de lado o cavalete e preferindo por a tela no chão para que pudesse se sentir dentro do que estava produzindo.

Um blackwork magnifico inspirado na obra de Pollock por David Allen #DavidAllen #obrasdearte #art #blackwork #jacksonpollock #pollock #expressionismoabstrato #abstract

Outra curiosidade é que ele não usava pincéis, utilizava os respingos de tinta que, por sua vez, escorriam pelo espaço em branco formando traços harmoniosos. Mesmo tendo recebido reconhecimento mundial, Pollock nunca saiu dos Estados Unidos.

Acho que não é exagero dizer que tanto as obras quanto o próprio retrato de Salvador Dalí são algumas das coisas mais reproduzidas em forma de tatuagem. Não é pra menos... A excentricidade do surrealismo ultra colorido do pintor e sua figura nada convencional, rendem lindos trabalhos na pele.

Fechamento inspirado no trabalho de Salvador Dalí por Lonis Ink #LonisInk #obrasdearte #art #salvadordali #surrealism #surrealismo #elephant #elefante #cisne #swan

As pinturas de Dalí chamam atenção pela uso de elementos oníricos, figuras um tanto bizarras, tudo com uma excepcional qualidade plástica. Contudo, seu estilo extravagante e teatral acabava ofuscando suas obras, mas isso não impediu que o catalão marcasse para sempre a história da arte com suas criações únicas.

O holandês Vicent Van Gogh tem uma história com uma carga emocional pesadíssima. O artista, descrito como sério, quieto e pensativo, viveu o tormento da depressão somado a surtos psicóticos com direito a alucinações. Suas obras apresentam cores vívidas, porém dramáticas mas que resultaram em pinturas apaixonantes. Van Gogh foi um homem atormentado por seus próprios fantasmas e acabou por tirar a própria vida com um tiro no peito. 

Morreu sem vivenciar o sucesso de seus trabalhos que o colocaram no patamar de figura famosa e influenciadora da história da arte, contribuindo para o início da arte moderna. Em um episódio de Doctor Who, o pintor é levado a uma exposição sua nos tempos atuais e ouve do curador o quão relevante são suas pinturas para a cultura artística mundial. A sequencia é tão maravilhosa, que acaba sendo inevitável não se emocionar com a bela homenagem a esse gênio injustiçado.

Você provavelmente já viu aquele quadro que tem várias escadas que dão pra todos os lugares e ao mesmo tempo pra lugar nenhum. Essa pintura é do artista M.C. Escher. Escher abusava de transformações geométricas e do preenchimento regular do plano, explorações de sequencias infinitas e metamorfoses. 

Uma de suas inspirações eram os mosaicos do palácio Alhambra, na Espanha, que levaram o pintor a retratar ilusões de ótica. Escher gostava de representar a realidade tridimensional num plano bidimensional, que acabou lhe rendendo o título de grande matemático geométrico e trazia a tona coisas impossíveis com representações distorcidas e paradoxais.

E aí, gostou dessa aulinha rápida de história da arte? Espero que sim! Se tem uma tattoo inspirada na obra dos grandes mestres, não deixa de postar no nosso aplicativo. Aproveite para baixar o Tattoodo App! Nele você pode ver todas as nossas matérias sem nenhuma publicidade, tudo lindo e fácil de usar! Além de poder compartilhar as suas tatuagens com todo o mundo! Baixe agora mesmo: iPhone | Android

androidapplearrow-rounded arrowArrowsavatar caretiPad Portraitcircle close-round closecomment-filled comment cross-fashioncrosscustomicondiscoverexiteyefilter globe hamburgerhearticon-loading iconlike-filled location mail nextphone pin-filled pin review-shop review-star scroll-downsearchCombined ShapeCreated with Sketch. star userverifiedwebsite